uma vez o Estádio Nacional Mané Garrincha, em Brasília, foi palco de uma confusão envolvendo torcedores organizados. Desta vez, os protagonistas foram membros de uniformizadas de Flamengo e Palmeiras, dispersos somente com o uso de gás de pimenta por policiais militares. Os efeitos do material, porém, fizeram o início do segundo tempo atrasar.

A partida já estava empatada por 1 a 1 graças aos gols de Gabriel Jesus e Alan Patrick quando o tumulto começou, no intervalo, com conflitos também do lado de fora do estádio. Alguns dos organizados palmeirenses deixaram o setor reservado a eles no anel superior da arena e foram encontrar os flamenguistas nos corredores, onde as brigas começaram.